Reflexões sobre o fazer historiográfico na crônica “As memórias alheias” de José Saramago
RODRIGO CONÇOLE LAGE

Ao longo de sua vida o escritor português José Saramago se dedicou aos mais variados gêneros literários. Contudo, os críticos não têm dado a devida atenção a todos eles. Com isso, alguns gêneros como a poesia, os textos do blog e os textos jornalísticos precisam ser mais bem estudados. A constatação desse fato fez com que escolhêssemos suas crônicas como nosso objeto de estudo. De modo mais específico, nós decidimos analisar a crônica intitulada “As memórias alheias”, do livro A bagagem do viajante. Como aborda um assunto muito importante dentro do conjunto de sua obra, o seu interesse pela reescrita da história, nós a escolhemos. Consequentemente, o objetivo de nosso artigo é estudar as ideias de Saramago a respeito da pesquisa histórica. Partimos da hipótese de que esta crônica nos ajuda a entender como o escritor veio a desenvolver a concepção de história que fundamenta parte de sua obra. Com esse objetivo, dividimos nosso trabalho em duas partes. Na primeira, discutimos a natureza da crônica e quais são as suas principais características. Na segunda, analisamos o texto de modo a identificar as diferentes questões relacionadas à pesquisa histórica, discutidas pelo autor, e a relação destes assuntos com sua obra.

Palavras-chave: José Saramago. Crônica. Teoria da História.

Throughout his life the Portuguese writer José Saramago dedicated himself to the most varied literary genres. However, the critics have not given enough attention to all of them. This way, some genres like poetry, the blog and journalistic texts need to be better studied. The realization of this fact made us choose the chronicle as object of study. More specifically, we decided to analyze the chronicle entitled “As memórias alheias”, from the book A bagagem do viajante. Because it addresses a very important issue within the set of his work, your interest in the rewriting of history, we choose it. Consequently, the purpose of ous article is to study the ideas of the Saramago about the historical research. We start from the hypothesis that this chronicle helps us understand how the writer has developed the conception of history that underlies part of his work. For this purpose, we divide our work into two parts. In the first, we discussed the nature of the chronicle and what are its main features. In the second, we analyze the text in order to identify different issues related to historical research, discussed by the author, and the relationship of these matters with your work.

Keywords: José Saramago. Chronicle. Theory of History.

ver texto :: voltar ao sumário